3° Sgt. Paiva, do CBMMG, morre aos 46 anos de idade de pneumonia e embolia pulmonar

Faleceu na madrugada desta quinta-feira (18/03), o 3º Sgt. do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais, Fabio de Paiva, de 46 anos. Paiva ingressou nas fileiras do CBMMG em Julho de 1995 na cidade de Uberlândia (MG), tendo também trabalhado na ala operacional de Unaí (MG) e Ituiutaba (MG).

Paiva estava internado em Ituiutaba com complicações de saúde devido uma pneumonia há aproximadamente 15 dias. Na última terça (16) ele teve um agravamento no quadro clinico, sendo internado na UTI, vindo a ser diagnosticado com embolia pulmonar.

Diante disto, ele foi transferido à cidade de Uberlândia para receber recursos médicos, porém, na madrugada de hoje, não resistiu à doença e faleceu na unidade hospitalar.

Na maioria das vezes, a embolia pulmonar é causada por coágulos de sangue originários das pernas ou, em casos raros, de outras partes do corpo (trombose venosa profunda). Os sintomas incluem falta de ar, dor no peito e tosse. Um tratamento imediato para romper o coágulo reduz significativamente o risco de morte. Isso pode ser feito com anticoagulantes e medicamentos ou procedimentos.

Segundo informações, desde o mês de dezembro Paiva estava sentindo febre, porém, ao ser submetido a vários exames de Covid-19, todos os resultados apontaram negativos.

Além de ser um excelente profissional, Paiva era um ser-humano muito bom, atencioso e sempre prestativo. Ele deixou um legado nas cidades por onde passou.

Uma homenagem será prestada ao militar na porta da sede do 2º Pelotão de Bombeiros Militar de Ituiutaba às 12h desta quinta-feira (18).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *