Eduardo Paes cogita “proibir o litrão de cerveja” para quem não se vacinou no Rio

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), disse que está pensando em proibir a venda de cerveja na cidade para quem não tomar a vacina contra a covid-19.

Pelas redes sociais, ele compartilhou nesta quarta-feira (12) uma notícia da cidade de Québec, no Canadá, que proibiu a venda de maconha e bebidas alcoólicas para não-vacinados. No município canadense, a busca pelas vacinas subiu em 300% após a decisão, que só começa a valer na próxima terça-feira (18).

“Pensando em pegar esse bonde e proibir o Litrão(uma gelada) pra eles aqui no Rio!”, publicou Paes ao compartilhar a reportagem.

Nas últimas semanas, o prefeito do Rio de Janeiro tem reiterado a defesa da vacinação e defendido restrições para quem optou por não receber o imunizante. Além disso, cancelou o carnaval de rua na capital fluminense, apesar de não ter adotado outras medidas restritivas em relação a eventos na cidade.

Também nesta quarta, Eduardo Paes compartilhou um vídeo do streamer e influenciador Casimiro pedindo que as pessoas tomem a dose de reforço da vacina contra a covid-19.

“Quem me conhece sabe que sou muito formal, polido e não uso palavras de baixo calão… Mas eu não resisto a publicar essa espetacular fala do Casimiro. Antes de ouvir por favor tirem as crianças da sala. Pela atenção obrigado“, escreveu Paes.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *