Incêndio atinge área urbana não protegida em Ituiutaba; foram queimados cerca de trinta hectares de vegetação braquiária

Por volta das 13h30, desta quarta-feira (09/09), houve um incêndio em vegetação no Bairro Setor Norte, em uma área urbana não protegida. Uma guarnição do Corpo de Bombeiros deslocou até o local com o caminhão e os militares efetuaram o combate por meio de abafadores e técnicas de combate a incêndios florestais.

As chamas foram debeladas em cerca de uma hora e destruíram em torno de trinta hectares de vegetação braquiária.

Segundo uma testemunha, uma mulher não identificada colocou fogo em um amontoado de lixo, que em função dos fortes ventos, saiu do controle e se espalhou por toda a área de vegetação rasteira.

Foto: CBMMG

O período de estiagem concentra o maior índice de queimadas ao longo do ano. Os focos de incêndio são derivados do tempo seco e da ação humana. A falta de chuva, a baixa umidade relativa do ar, a elevação das temperaturas durante o dia e a forte incidência de ventos criam condições ideais para formação e propagação de incêndios em vegetação.

Os Bombeiros alertam que provocar incêndios em matas, lixo e entulho é crime ambiental. Embora, ainda seja prática comum na população, é ilegal e pode trazer prejuízos irreparáveis ao meio ambiente e à comunidade.

Em caso de urgência e emergência, ligue 193, este número salva vidas. Bombeiro Militar, o amigo certo nas horas incertas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *