Jovem engole maconha e forja crime para ser preso e vender a droga em presídio de Ituiutaba

Um jovem de 19 anos foi preso em Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, na última quarta-feira (26) acusado de ter cometido violência doméstica, enquadrado na Lei Maria da Penha. Contudo, o homem forjou o crime pelo qual foi detido para, na realidade, cometer outro: vender drogas dentro da unidade prisional para onde fora encaminhado. O caso foi divulgado pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança pública nesta sexta-feira (28).

A Inteligência da Polícia Penal percebeu que, durante a estadia do jovem na cadeia, havia movimentações estranhas em relação ao preso. Anonimamente, os agentes foram informados que o crime de violência doméstica teria sido arquitetado, e que o detento havia engolido 225 porções de maconha para traficar a droga dentro da unidade.

“A Polícia Penal iniciou um trabalho de investigação interna e, ao ser informado que seria encaminhado ao pronto socorro municipal para realização de exame radiológico, o custodiado espontaneamente relatou que havia engolido certa quantidade de substância entorpecente”, diz o texto encaminhado à imprensa pela Sejusp.

O jovem não soube precisar a quantidade de drogas que havia ingerido. Ele foi submetido a um exame de raio-x, no qual 580 gramas da droga foram identificadas. O “material” estava no intestino do rapaz, e foi evacuado posteriormente.

Depois que o plano foi descoberto, o suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil da cidade, e responderá por tráfico de drogas em flagrante.

Fonte: O Tempo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *