Manifestação em prol do retorno de eventos foi realizada em Ituiutaba (MG)

Na tarde desta terça-feira (09/02), uma manifestação foi realizada por pessoas que trabalham direta ou indiretamente no setor de eventos em Ituiutaba (MG). Os manifestantes saíram em passeata carregando faixas, cartazes e proferindo palavras de ordem, acompanhados por um trio elétrico pelas ruas do centro da cidade.

De acordo com os representantes, cerca de 300 pessoas estão sem como retirar o seu sustento após a suspensão de algumas atividades da área. Ademais, a classe vive hoje uma realidade de 10 meses sem exercer a profissão.

Os promoters reivindicaram ao Poder Executivo a reabertura dos eventos com 40% da capacidade do público, seguindo o protocolo dos bares, mantendo o distanciamento e uso de máscaras e álcool em gel. Também entrou em pauta a isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU e cesta básica para garçons e outros profissionais que não tenham renda, caso todas as reivindicações não sejam atendidas.

Manifestantes reunidos na Praça da Prefeitura. Foto: Clésio Braga

Ao findar a manifestação, a classe de organizadores de eventos foi ouvida pela Prefeita Leandra Guedes e o Secretário de Governo Conrado Henrique. Contudo, Leandra disse que não poderá atender os empresários neste momento devido à situação em que vive o município de Ituiutaba referente à Pandemia de Covid-19.

Um novo decreto poderá ser assinado por Guedes nas próximas horas. O novo documento foi sugerido pelo Comitê de Enfrentamento ao Combate do Novo Coronavírus de Ituiutaba na última segunda-feira (08/02).

Por volta das 20h10min, a Prefeitura de Municipal de Ituiutaba enviou uma nota de esclarecimento para a imprensa. Leia a seguir:
Manifestantes reunidos na Praça da Prefeitura. Foto: Clésio Braga

“Nota à imprensa

A Prefeitura de Ituiutaba informa que recebeu na tarde desta segunda-feira, 9, três representantes do manifesto realizado pelas ruas do Centro da cidade horas atrás. Tratam-se de profissionais do setor de eventos que foram recebidos pela prefeita Leandra e pelo secretário de Governo Conrado Henrique.

Após ouvir as reivindicações dos representantes dos manifestantes, os representantes do Poder Executivo informaram que nesse momento, pelas condições epidemiológicas apresentadas pelo município, não existem formas viáveis para atender a solicitação para a liberação de festas.

Como em reuniões recentes realizadas com profissionais da classe, a chefe do Executivo informou que no momento em que houverem condições favoráveis em relação à Covid-19, a categoria será atendida, seguindo os protocolos necessários.

A gestão demonstra sensibilidade à causa apresentada, porém, lamenta não ser possível atender os pedidos de forma imediata, por conta das questões que envolvem a saúde pública, que também são acompanhadas pelo Ministério Público de Minas Gerais – MPMG.”

Manifestantes reunidos na Praça da Prefeitura. Foto: Clésio Braga
Manifestantes reunidos na Praça da Prefeitura. Foto: Clésio Braga
Manifestantes reunidos na Praça da Prefeitura. Foto: Clésio Braga

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *