Mulher é presa com 395 gramas de cocaína em Ituiutaba

Na tarde desta quinta-feira (18/02), a Polícia Militar de Minas Gerais recebeu informações apontando que uma mulher estaria traficando drogas em um bar no Bairro Jardim do Rosário, em Ituiutaba (MG).

A PMMG realizou levantamentos e solicitou ao Poder Judiciário um mandado de busca e apreensão para o local denunciado e também para a residência da suspeita que fica situada no Bairro Canaã.

Foram cumpridos os dois mandados de forma simultânea pelas equipes PMs, sendo que no bar, a suspeita foi localizada e durante buscas no estabelecimento comercial, os militares apreenderam dezenas de papelotes de cocaína já prontos para a venda e também cocaína ainda não embalada. Além da droga, os policiais localizaram e apreenderam uma arma de fogo tipo caneta, calibre 22, documentos, cartões e cheques em nomes de terceiros.

Arma de fogo tipo caneta, calibre 22, apreendida com a traficante. Foto: PMMG

Já na residência da suspeita, foram localizados e apreendidos mais 02 invólucros contendo cocaína e outros materiais.

O veículo que a abordada utilizava também foi apreendido, pois constava na denúncia e levantamentos que era utilizado para a entrega da droga.

Diante disto, a mulher de 36 anos recebeu voz de prisão em flagrante pelos crimes de Tráfico Ilícito de Drogas e Posse Ilegal de Arma de Fogo de Uso Permitido, sendo apresentada perante a Autoridade de Polícia Judiciária e deixada a disposição da justiça.

Veículo utilizado para a entrega da droga. Foto: PMMG

No findar da ocorrência foram contabilizados a apreensão de 395 gramas de cocaína; 01 colher de metal e 01 medidor de plástico, certamente utilizados na dosagem da droga; vários recortes plásticos e rolos plásticos possivelmente utilizados no embalo de drogas; 01 arma de fogo do tipo “caneta”, calibre 22; R$ 844,00 em espécie; 04 cheques em nome de terceiros; 01 telefone Celular IPhone e  01 automóvel Honda / Civic.

Ajude a Polícia Militar de Minas Gerais a prender suspeitos e recuperar bens de vítimas de crimes. Denuncie via 191 ou 181 de forma anônima e gratuita.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *