Rodovia é interditada após grave acidente na BR 153 próximo ao município de Frutal (MG)

Na tarde de domingo (09/08), um acidente envolvendo um caminhão tanque, que transportava um produto altamente inflamável, e um carro, modelo Suv. Compass de cor preta, foi registrado na Br 153, km 185, próximo ao posto Marajó, na zona rural de Frutal (MG).

A equipe de reportagem do Canal Janela Aberta entrou em contato com o Corpo de Bombeiros do município de Frutal. Segundo informações, os bombeiros se deslocaram para atender a ocorrência. Ao chegar no local, os militares se depararam com os dois veículos completamente em chamas.

As labaredas de fogo, que envolveram o caminhão tanque, tinham aproximadamente 15 metros de altura e estavam em contato direto com o Hexano, líquido altamente inflamável, que estava sendo transportado pelo veículo. O carro foi completamente destruído pelas chamas e o seu ocupante foi encontrado carbonizado dentro do automóvel.

O motorista da carreta sofreu ferimentos leves, prestou informações para a guarnição e forneceu ainda a ficha de emergência respectiva da carga. Segundo relatos do motorista do caminhão, a colisão ocorreu quando a vítima perdeu o controle e invadiu a pista contrária, colidindo de frente com o veículo de grande porte. O carro seguia sentido Frutal-Prata e ainda conforme o caminhoneiro, ele tentou evitar a batida, mas não conseguiu. Com o impacto, o caminhão tombou e gerou o incêndio.

As guarnições de bombeiros prontamente realizaram o isolamento aproximado de 2 km, interditando a rodovia federal em seus 2 sentidos, com apoio da PRF. Em seguida, efetuou a montagem de um estabelecimento completo com mais uma linha de lge (liquido gerador de espuma), realizando assim o combate direto às chamas e logrando êxito na extinção do fogo. Após isso foi feito o resfriamento do tanque do caminhão que estava superaquecido. O corpo da vítima, sendo um homem de 62 anos, foi retirado pela funerária após realizada a perícia.

De acordo com BMs, na ocorrência foram gastos aproximadamente 500 mil litros de água e mais de cinco horas de trabalho para conter as chamas. Os profissionais receberam ainda o apoio de caminhões tanques das empresas usina Cerradão, usina Bunge e Concessionária Triunfo. A causa da morte da vítima é investigada pela Polícia Civil.

A rodovia ficou interditada das 15h do dia (09) até às 2h da madrugada de hoje. Após esse período, uma das pistas foi liberada e a outra seguiu impedida até a remoção total do veículo da pista.

De acordo com os Bombeiros, uma equipe voltou ao local na manhã desta segunda-feira para a prevenção do transbordo do restante do líquido que permaneceu no tanque do caminhão e retirada do automóvel do local.

Foto: Rodrigo Santos/Fonte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *